Please reload

Posts Recentes

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Em Destaque

Saúde, agricultura e segurança são as prioridades mais votadas na Consulta Popular

August 11, 2017

A Consulta Popular, que ocorreu na semana passada, teve uma participação bem maior neste ano no número de eleitores da região em comparação com 2016. 

Os números finais foram contabilizados no início desta semana para definir quais foram às demandas mais votadas. As três com mais votos receberão recursos, sendo 50% do valor para a primeira, 30% para a segunda e 20% para a terceira. Para o Vale do Caí para 2018 foram destinados pelo Governo do Estado R$ 1.721.428,57. A demanda mais votada foi da Saúde, para a ampliação, reforma e aquisição de equipamentos para estabelecimentos de saúde, vinculados ao SUS (unidades básicas, unidades de média complexidade e hospitalares), que recebeu 10.553 votos e para o qual serão destinados então R$ 865.714,29. Em segundo ficou Desenvolvimento Rural, visando universalizar a oferta de banda larga e internet na zona rural, que obteve 2.209 votos e receberá R$ 519.428,57. E a terceira mais votada foi a demanda da Segurança Pública, buscando estimular o registro dos casos de abigeato, na região, para mapeamento e definição de estratégias de segurança na zona rural, além de recursos para viaturas, equipamentos e viaturas, o qual obteve 2.039 votos e receberá R$ 346.285,71. As outras três demandas eram sobre cultura, turismo e esportes; desenvolvimento econômico e desenvolvimento rural na ampliação da produção orgânica regional.


Participação aumentou
Todos os 19 municípios da região tiveram uma participação maior do que 4% do eleitorado, classificando-se para receber os recursos. Na soma total de eleitores da região participaram 16.632 eleitores neste ano, o que representa 12,24% do total de 135.936 do eleitorado do Vale do Caí. O número de participantes agora em 2017 foi bem maior do que os 1,9% do ano passado, quando votaram apenas 2.533 eleitores em toda a região. Isso mostra que a votação pela internet e aplicativos, durante três dias, deu bons resultados, com a participação de uma parcela expressiva dos eleitores da região que desta vez teve um maior interesse em se envolver no processo de escolha das prioridades. Desta vez não teve votação manual, com voto impresso. A maioria dos votos na região foi pelo site , além de por aplicativo e por mensagem em SMS. Cada eleitor só podia votar numa das seis demandas propostas na cédula.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo