Please reload

Posts Recentes

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Em Destaque

Jovem caiense foi à Nova Zelândia para aprender inglês e se apaixonou pela culinária

July 25, 2017

Vandeilson Santi veio para o Caí, com sua família, quando tinha 14 anos de idade e morou no bairro Conceição. Ele estudou inicialmente na Escola Thomé Antônio Azevedo, no mesmo bairro, e depois na escola de ensino médio Paulo Freire, no Caí.

Depois disso, passou a trabalhar em vendas, adminstração e representaçãao comercial e como músico.

Mas não se sentia realizado. Fez alguns cursos técnicos e, depois, resolveu viajar para a Nova Zelândia com o objetivo de trabalhar e aprender o inglês.

Ficou por lá nos anos de 2010 e 2011 e voltou para o Brasil. Mas não por muito tempo. Em 2013 voou novamente para a distante Nova Zelândia para concluir seus estudos.

Ele fez lá um curso de culinária e descobriu que esse era o seu talento. Depois do curso, de dois anos, ele fez estágio em restaurantes de alto nível e hotéis estrelados. Trabalhou, inclusive, com um jurado do Master Cheff Nova Zelândia e participou de uma competição nacional de culinária ganhando a medalha de bronze.

Depois disso ainda fez um tour de três meses pela Europa visitando nove países e restaurantes de alto nível, sempre buscando conhecimento.

Em 2014 voltou novamente para a sua terra e passou a trabalhar em alguns dos restaurantes mais refinados do Rio Grande do Sul. Foi Sous Chef no SPA do Vinho, em Bento Gonçalves; e chef de cozinha do NH Hall, em Novo Hamburgo.

Esse ano aproveitou para fazer um tour por países da América Latina, sempre atento à gastronomia de cada país. 

Conhecendo novos ingredientes e técnicas de cozinha.

No Uruguai, passou um mês conhecendo os bons restaurantees do país. Lá trabalhou no aclamado restaurante La Huella e aproveitou para conhecer bons restaurantes do país e seus vinhos. 

Esteve também no Peru, onde trabalhou no restaurante do aclamado Gaston Acurio, o Astrid & Gaston em Lima. Voltou, então, para a casa dos pais e agora se prepara para uma nova temporada no Primeiro Mundo.

Ele planeja trabalhar na Espanha, França e, talvez, se fixar novamente na Nova Zelândia, trabalhando como chef de cozinha em restaurantes de alto nível.

A idéia é ganhar ainda mais experiência e conhecimento para abrir o seu próprio restaurante, provavelmente numa das cidades turísticas da Serra Gaúcha, valorizando o vinho, gastronomia e ingredientes do Brasil.

Com 27 anos e toda a experiência que já acumulou, Vandeilson tem todas as condições de fazer uma grande carreira.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo