Please reload

Posts Recentes

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Em Destaque

Ex-diretor lembra que técnicos também atuavam nas licitações em Montenegro

June 8, 2017

Diretor de Ações de Governo afastado do cargo por 180 dias durante a Operação Ibiaçá, Gilson Hartmann foi o único que, até agora, veio a público comentar as ações do Ministério Público. Junto com os secretários Valter Robalo e Evandro Machado da Silveira, também removidos do governo por decisão judicial, ele é acusado de integrar uma “organização criminosa” que fraudava licitações para beneficiar empresas. Hartmann nega e diz que sequer sabe exatamente do que está sendo acusado.

GILSON diz que está tranquilo e sempre trabalhou dentro da legislação

Para o ex-diretor, a ação do MP foi uma espetacularização. “Entreguei tudo que pediram, dois celulares e três computadores, e estou disposto a colaborar com as investigações. Não fiz nada de errado e a tal organização criminosa, se existe, não tenho conhecimento”, garantiu. Hartmann pondera que pode responder por si, mas assegura que também o prefeito Aldana “está limpo”.

Sobre as licitações, observa que todos os processos passam por secretários, diretores, servidores de carreira e técnicos, entre os quais advogados, engenheiros e arquitetos. “Toda e qualquer alteração em edital ou aditivo passa por uma série de pessoas. Não entendo por que estão investigando apenas três pessoas”, reclama. De qualquer forma, ele ressalta que não existe qualquer acusação formalizada e que tem plenas condições de justificar todo ato ou conversa que por ventura tenha sido alvo de escuta.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square