MP apura participação de advogado montenegrino em fraudes na telefonia

O Ministério Público gaúcho está investigando um golpe praticado por advogados, suspeitos de enganar os próprios clientes. No esquema, os defensores recebiam suborno da operadora de telefonia Oi para prejudicar quem os contratava em processos milionários contra a empresa. Entre eles, estaria o montenegrino Cássio Viegas de Oliveira.

Na lista de investigados, figuram também ex-integrantes do Judiciário e do Ministério Público. Na semana passada, uma operação sigilosa cumpriu cinco mandados de busca e apreensão em Porto Alegre e no interior. Em Taquara, os policiais a serviço da Promotoria Especializada Criminal estiveram no escritório de Evandro Montemezzo, em busca de provas.

A investigação aponta que ele e o colega Flávio Carniel teriam recebido R$ 15 milhões da operadora Oi, ex Brasil Telecom, para desistir das ações sem que os clientes soubessem, abrindo mão do dinheiro a que teriam direito. Os valores eram referentes a ações da antiga CRT.


Posts Em Destaque
Teremos posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square